HAIRDRAMA

hairstyle Archive

domingo

18

janeiro 2015

4

COMMENTS

Cortes pra esse verão que está um forno!

Written by , Posted in LOOKS, SELEÇÃO HAIRDRAMA

Julianne-Hough marieclaire.co.uk

Gente, nós sabemos que o verão tá coisa séria – estamos  praticamente vivendo numa sauna. E nos dias que o Rio de Janeiro, por exemplo, tem proporcionado, nem pelado rola, rs! Cabelo comprido então, é tipo cobertor na cabeça.  Pra quem sempre teve vontade e nunca coragem de cortar as madeixas mais curtinhas, agora é a melhor hora pra encarar uma mudança. Nós então pra botar um pouco mais de pilha, fizemos uma seleção de cabelos curtos, são muitas opções – para as mais corajosas e para aquelas que vão aos poucos. É muita inspiração, e dá vontade de ter todos. Tomara que esse post realmente traga mudanças! Cabelo curto é lindo e a cara do verão e quase um ato de sobrevivência, rs!

abeautifullittlelife.com  dailymail.co.uk fashionmio.com girlswithshorthair.tumblr.com glamasia.com harpersbazaar.com hercampus.com Julianne-Hough marieclaire.co.uk karlie-kloss-fashiongonerogue kirsten dunst vogue.es lovelylydyedlocks.tumblr.com luckymag.com marieclaire.co.uk pophaircuts.com pophaircuts.com popular haircuts style craze usmagazine.com wavygirlhairstyles.com www.pophaircuts.com www.prettydesigns.com becomegourgeous.com

buzzfeed.com

 

violetgrey.hardpin

-

terça-feira

13

janeiro 2015

4

COMMENTS

Voltando ao “normal”: um diário do último dia colorido

Written by , Posted in HAIRDRAMAS, Mestres das Jubas

cabeça colorida

Por Diana Herzog

Rio de Janeiro, 22 de Novembro de 2014.

Eu estou aqui contando os minutos ou tentando não contar os minutos para voltar ao “normal”. Estou realmente com o coração apertado e um medo enorme de me ver loira ou morena (ainda não sei a cor que vou colocar) e não me reconhecer, não gostar mais. Sinto isso de verdade. Esses dois meses de cor foram únicos, nunca mudei tantas vezes de colorido, eu explico: o rosa ou o azul, enfim o colorido, você coloca, mas sai todo dia um pouquinho no banho, então todo dia é diferente, todo dia eu me via com um novo tom. As pessoas não entendem, porque realmente, se você parar para pensar, ter o cabelo rosa já é “esquisito”, mas é realmente uma experiência um dia ter ele rosa, outro dia ter roxo, rosa claro, rosa branco, depois rosa pink, enfim… cada dia uma cor, um tom, cada dia um encontro comigo mesma. E cabelo é realmente isso, ele muda a gente, ele muda a gente de fora para dentro, e agora pensando bem de dentro para fora. Mas é isso, durante esses dois meses me senti outra, mais segura, mais interessante, e na maioria das vezes não lembrava de estar “diferente”, porque assim, não sei vocês, mas eu não ando com espelho na mão, rs! Então a minha sensação, meu diálogo comigo mesma e com o mundo mudou por causa da cor, apesar de muitas vezes estar “colorida” não passava pelo meu pensamento, mas não sei, acho que eu já era outra. E agora o medo de mudar, de voltar, de não me encontrar mais, de não conseguir mais enxergar essa Diana que eu conheci nos últimos dois meses. Eu imagino que deve ter gente achando que a cor me deixou um pouco esquizofrênica, lendo esse texto, rs, mas é o que eu estou sentindo e é estranho. Será que essa Diana vai continuar por aqui mesmo sem cor, será que eu me conectei com um lado que eu não conhecia e agora ele vai me acompanhar independentemente do cabelo? Ou será que vai embora no primeiro segundo em que me olhar no espelho sem o rosa.

Eu imagino também que deve ter gente pensando, nossa quanto superficialidade, é só aparência, a superfície, blá blá blá… Mas a sensação que eu tenho, é que é alma, e não é a toa que eu e Julia criamos esse blog, porque cabelo é transformador, cabelo é energia. Mesmo! Enfim… muitas coisas, muitos sentimentos… deixo o computador agora para me arrumar, pegar minha bike, meu capacete rosa (que será minha única maneira de ter o rosa na cabeça, rs) e voar para o salão para encontrar com o nosso super querido e talentos Alê Carvalho (mestre da juba) e me reencontrar ou me desencontrar.

voltando ao normal

Antes e depois… a cara da felicidade (só que não) logo antes de sair de casa pra tirar o roxo, rsrs!

cabeça colorida

Vida em cores!

terça-feira

25

novembro 2014

0

COMMENTS

Tutorial: coque ballet fitness com Betina Dantas.

Written by , Posted in LOOKS, NO CLIMA BALLET FITNESS, Tutorial

P1060556

Para fazer ballet fitness sem um fio fora do lugar.


Como prometido, continuamos no assunto ballet. O primeiro post foi sobre o  Espaço Vibre e o ballet fitness. Então, depois  de conhecer a modalidade e um lugar para pratica-lá, agora é vez do cabelo. Como usar o cabelo no ballet fitness? São várias possibilidades, mas a clássica é o coque, afinal  é o penteado da bailarina, e como quem prática ballet fitness não precisa ser uma bailarina, fizemos dois tutoriais de coques facílimos, que você pode fazer em 1 minuto. Esse é o primeiro e quem ensina é a criadora dessa dança/prática tão deliciosa, a bailarina Betina Dantas. Esse coque é lindo! E gente, é penteado pra sair de noite, de dia, no ballet, enfim… é penteado pra vida!

É isso! Mão na massa! Ops, mão na juba!

 

terça-feira

8

julho 2014

0

COMMENTS

Making of do nosso ensaio fotográfico

Written by , Posted in LOOKS

Cópia de IMG_5467

Desde o primeiro dia em que começamos nosso querido blog pensávamos quase sempre na mesma coisa: precisamos de fotos de nós duas juntas!  Foto boa né? Rs! Então em parceria com as meninas da Nova Assessoria, a Carol e a Sayo, que fazem a assessoria do HAIRDRAMA, organizamos uma sessão de fotos, pra nossa alegria!!! Como coisa boa só atrai coisa boa, só gente fina chegou junto nesse trabalho :) O Sergio Baia, fotógrafo talentoso que só ele, nos recebeu no seu estúdio as 21h da noite e com a maior disposição, fez todos os clicks e no final já estava até de peruca. Convidamos para nos maquiar o Gabriel Ramos, nosso maquiador amado da segunda temporada de DoAmor. Por fim, convidamos a Luli, nossa amiga estilosa, que além de atriz, organiza um coletivo de artistas, incluindo novos estilistas, chamado Hum Coletivo. Ela foi responsável pela nossa produção de roupa, e todos os looks tinham peças de algumas marcas integrantes do coletivo, são elas: Self+, Wymann, VERKKO, Alice Aroeira. E assim, formamos o nosso time. Foi hilário e delicioso o nosso ensaio, começamos tarde da noite  e entramos madrugada a dentro. Fizemos de tudo um pouco: foto séria- fazendo cara de modelo- usando chapéus anos 50- usando perucas de várias cores… Essas perucas vão render um post a parte, elas foram emprestadas pela Fiszpan, nossa mais nova parceira aqui do blog. Enfim, assistam o vídeo dessa nossa maluquice, e aqui vão algumas fotos do ensaio.

 

Cópia 2 de cabeloempé

A blusa listrada é da VERKKO e o body preto com desenho é da Wymann

Cópia de IMG_5496

O body branco é da VERKKO e a pantalonas cinza e o cropped preto da Alice Aroeira.

 

Cópia de IMG_5467

Cópia de IMG_5432

Aqui nós duas estamos vestindo Self+.

 

 Cópia de sem clipe

Cópia de IMG_5424

IMG_5583

Blusa de trico da Alice Aroeira.

 

IMG_5446

O kimono azul e body da VERKKO.

Cópia de IMG_5541

Cropped da Alice Aroeira e peruca Fiszpan.

Body da VERKKO

Body da VERKKO e peruca Fiszpan.

 

Créditos:

Assessoria: Nova Assessoria – instagram @novaassessoriaerp

Fotográfo: Sérgio Baia – instagram @sergiobaia

Maquiador: Gabriel Ramos – instagram @gabrielramos6

Produção artística: Luli Carvalho – instagram @lucarv

Edição do making of: Leo Nunes – instagrama @leonardocnunes

Perucas: Fiszpan – instagram @fiszpan

HUM Coletivo – instagram @humcoletivo

VERKKO – instagram @_verkko_

Self+ – instagram @selfmais

Wymann – instagram @_wymann

Krème – @kre_me

 

 

quarta-feira

2

julho 2014

0

COMMENTS

O cabelo arco-íris de Rita Ora

Written by , Posted in LOOKS

Captura de Tela 2014-07-02 às 09.20.44

A cantora britânica nascida em Kosovo e mega pop Rita Ora, acabou de fazer de suas madeixas um arco-íris e nós pra variar amamos, ela mostrou o cabelo novo em seu Instagram. Cabelo colorido está super em alta e cada vez mais comum.  As mulheres estão sabendo usar esse look que antes era somente para os punks ou mega alternativos. Desde a cor, o tom, a mistura das cores, temos achado quase tudo lindo. A Rita já teve cabelo colorido, mas o platinado é a cor que mais usa, mesmo assim ela está sempre mudando de cara, queremos dizer cabelo, rs! Muda tanto que o site britânico da revista Glamour fez um post dedicado a Rita e seus looks, nós escolhemos nossos preferidos e mais alguns de outros lugares. Quem se anima?

Captura de Tela 2014-07-02 às 09.20.44 Captura de Tela 2014-07-02 às 09.20.25 Captura de Tela 2014-07-02 às 09.20.02

rita ora 2013

Nós gostamos muito desse platinado com ondas.

Rita-Ora_glamour_30oct13_rex_b_592x888

O comprimento do cabelo está lindo, mas parece que está preso atrás, então é uma idéia pra quem quer mudar de cara, mas não tem coragem de cortar o cabelo.

rita-ora_glamour_18oct13_PA_b_592x888

As pontas rosas são demais!!!

Rita-ora01_glamour_31jul13_rexfeatures_b_592x888

Aqui já é mais simples, e funciona muito.

rita ora 5

Tranças! A raiz escura também é bonita.

rita ora 6

Volume!!!!

rita ora 7

Esse talvez seja um dos nossos favoritos, muito chique!

rita ora capa elle

Simples assim, na capa da Elle.

rita ora lenço

Super inspiração de como usar um lenço, acessório que amamos.

rita ora colorido

Ta fofa. Romântica.

 

 

sábado

10

maio 2014

0

COMMENTS

Homens no Hairdrama: “Qual o cabelo que mais te atrai numa mulher?”

Written by , Posted in LOOKS, Qual é o tipo de cabelo que faz mais sucesso num mulher?

leandro soares

Agora sim o post, nós adoramos o vídeo, mas o conteúdo está todo aqui!!! Fizemos a seguinte pergunta para os nossos queridos e gatos amigos: Qual o cabelo que mais te atrai numa mulher? As respostas foram todas escritas por eles, e o texto está acompanhado de uma imagem referência que também pedimos. Ficamos surpresas com o que lemos e vimos, porque é tudo bem variado, diferentes cores, cortes, texturas e até penteados! Nós curtimos tanto fazer esse post, que decidimos inaugurar uma nova categoria –  Qual é o tipo de cabelo que faz mais sucesso numa mulher? 

Agora aproveitem as fotos dos “nossos” homens, suas respostas e referências! E aguardem, que daqui a pouco vem mais sobre esse assunto!


 

DIETER FUHRICH – “Pra mim, cabelos curtos, estilo chanel, sejam lisos ou até mesmo ondulados, fazem a cara da mulher moderna. Amulher que mostra a cara, que mostra a sua sensualidade.”

Dieter Fuhrichkatie holmes


 

DIOGO MONTEIRO– “Sempre acho complicado generalizar, mas tenho que admitir: Ruivas me atraem. Quando a cor é natural, geralmente vem acompanhada de sardinhas, pele branca e um mistério implícito. Por outro lado, quando o vermelho é uma opção, traz em si uma atitude, uma escolha estética que fala muitíssimo da personalidade da moça. Em ambos os casos, o vermelho pra mim é uma cor que quer dizer SIGA.”

Diogo MonteiroJulianne-Moore-CelebHealthy_com


 

FERNANDO DE CARVALHO – “Hum… Pergunta difícil meninas … Acho que o mais importante é ele estar bem cuidado, com brilho e vida … Para mim o cabelo de uma mulher é de suma importância … e para isso ele tem que ser parte integrante da personalidade dela … Tem que trazer um conteúdo , uma informação … além é claro de estar harmoniosamente combinando com o perfil facial como os ângulos, os olhos e a boca !”

332475_2512161598179_1358283994_oreferência Fernando De Carvalho


 

GEORGE SAUMA – “Gosto do básico! Não sei direito os termos técnicos mas arrisco: Cabelos compridos, morenos,cacheados! Nada comoum nózinho pra desenrolar… ”

George Saumamila kunis -referencia george sauma


 

IGOR ANGELKORTE – “De modo geral, gosto de cabelos abaixo do ombro, sou tradicional. Mas, nada de alisamentos, cabelo reto é a coisa mais sem graça. As ondinhas dão todo um charme, um borogodó, meio gata da selva. Quanto a cor gosto dessas que deixam o cabelo de vocês com tom sobre tom. Dessas que quase não dá pra ver as variações do loiro, mas as nunces mudam tudo. Enfim, sempre características que deixem a mulher feminina e que me engane que tá natural. Não sou nem de franjas retas nem de cabelos muito curtos. Gosto da mulher-deusa-cabeluda”

sienna miller


 

JOÃO SANT’ANNA – “O que falar do penteado de uma mulher? Sendo um grande admirador do sexo feminino, aprecio todas as manifestações estilísticas do couro cabeludo: curto, longo, crespo, liso, loiro, ruivo, careca… Nas minhas deliberações sobre o assunto “pelos”, surgiu uma imagem eterna: o rabo de cavalo. O rabo de cavalo é incrível, sexy e clássico. Pescoço e orelhas visíveis… E quando for a hora de voltar a cabeleira, é só soltar o elástico.”

João Sant'anna

Captura de Tela 2014-05-10 às 10.08.22


 

JOÃO PEDRO ZAPPA – “Não sei dizer qual é o que maaais me atrai, mas adoooro aquele corte raspado na lateral.”

João Pedro Zappa

 


 

JOÃO RODRIGO OSTROWER – “Não tenho preferência em especial por qualquer cor, comprimento ou estilo, mas gosto daquele cabelo que dá vontade de pegar sem medo de estragar um penteado de horas no salão. Aquele que dá a impressão de que ela acordou e deu um jeitinho pra sair. Nada que seja sujo ou coisa assim, mas que parece natural, um pouco selvagem e que, por isso, fica muito sensual. E, veja, bem, eu sei que pra deixar desse jeito deve ter dado muito trabalho, mas é fácil me enganar…”

João Rodrigo Ostrower

referencia joao rodrigo


 

LEANDRO SOARES – “Cabelo comprido, tipo musa.”

leandro soaresreferencia leandro soares


 

LUIZ ANDRÉ ALVIM – “O cabelo que mais me atrai numa mulher é o cabelo curto, aparecendo a nuca…mais especificamente o da personagem Valentina, do quadrinista Guido Crepax… Mas geralmente cabelo curto de qualquer maneira já me atrai…até mesmo raspado, se combinar com o rosto fica lindo! A cor não é uma questão para mim…apenas tem que combinar com a pessoa, já que o cabelo é a “moldura” do rosto!”

luiz andre alvimCaptura de Tela 2014-05-10 às 10.25.17


 

PEDRO MONTEIRO –  “O ruivo. Sim, é o cabelo ruivo que mais me atrai. Ele chama minha atenção. É meio fogo, e não dar atenção ao fogo é um perigo. Gosto só pouquinho abaixo da nuca. Acho sexy. Mulher é bom. Cabelo é bom. O ruivo é só a cereja da torta de morango.”

Pedro MonteiroReferência Pedro Monteiro

 


 

PEDRO NERCESSIAN – “Um cabelo que torne a mulher diferente de todo resto. Não interessa cor ou tipo. Mas geralmente cabelos (muito) curtos tem essa poder. Mulher de cabelo raspado, por exemplo, me chama a atenção. Já é uma atitude tão forte que me atrai por si só.”

pedro nercessianimg4f2bc2b5d0517


 

PEDRO SODRÉ – “O cabelo que mais me atrai numa mulher está na moda há, pelo menos, 50 anos. É um clássico francês: comprido, lisinho, com uma franjinha meio repicada. É o caso da Jane Birkin, por exemplo. Na verdade, não sei bem quem começou com esse corte, mas logo me vem a cabeça mulheres como Françoise Hardy, Anna Karina, Brigitte Bardot. Ta aí uma moda que, por mim, pode durar mais 50 anos.”

Pedro Sodréreferência Pedro sodré


 

SAMUEL TOLEDO – “Mais me atrai é cabelo grande anelado meio repicado. Tipo a foto.. Não necessariamente com a franja, mas gosto tb..”

Samuel Toledoreferêcia samuel toledo


 

TATSU CARVALHO – “Gosto de cabelos curtos e pretos, (referência: demi moore em ghost) mas tb gosto de cabelos ruivos, loiros, azuis…”

 

Captura de Tela 2014-05-10 às 13.30.28referência tatsu carvalho

terça-feira

6

maio 2014

0

COMMENTS

De cabelo azul… Livia de Bueno e Luca Bianchi estreiam em Nova York a peça “Dhrama: The Remarkable Dialogue Between Krishna and Arjuna”.

Written by , Posted in LOOKS, TROCA TROCA - PERSONAGENS

DhramaKrishna.2

DhramaKrishna.2 DhramaArjuna.1

Esse post está chique demais gente!! A atriz Livia de Bueno está prestes a estrear a peça “Dhrama: The Remarkable Dialogue Between Krishna and Arjuna” em Nova York, e para fazer Krishna, Livia pintou o cabelo de AZUL!! A gente enlouqueceu quando viu, e claro, a convidamos para escrever um post aqui no HAIRDRAMA, contando essa incrível experiência. O texto da peça é assinado por João Falcão e traduzido por Juliana Pamplona e Camila Mason; é inspirado no clássico da filosofia hindu “Bhagavad Gita”, parte do épico “Mahabharata”. O projeto é uma parceria de Livia e Luca Bianchi, que além de atuar na peça como Arjuna, ele é o responsável pela encenação. Luca também radicalizou e fez um corte diferente para interpretar o guerreiro. Bom, como eles são muito finos e sofisticados e vão estrear em Nova York, infelizmente não vamos poder conferir o resultado, mas pelo o que já vimos, temos certeza que vai ser sucesso! Estamos aqui mandando nossas melhores vibrações e merda para o casal!!! Quem estiver por Nova York nesse período, não perca! Abaixo, segue o relato da Livia, fotos da sua transformação, o programa da peça e links dos salões que ela foi.

LIVIA:

Por quê azul?

Eu vou interpretar Krishna e Krishna é azul, então o Luca – que está dirigindo a peça – teve esta ideia de pintar o meu cabelo ao invés da pele que dá um puta trabalho e tem grande chance de ficar tosco. Fora que fica interessante, original. Já que nunca vi ninguém representar Krishna pelo cabelo azul. Este projeto era pro ano passado, mas como eu peguei a novela – Saramandaia – e o Luca a serie – Copa Hotel – nós adiamos para este ano. Desde então, ficamos pensando em como realizar a peça. Cenário, figurino, equipe e, na caracterização das personagens.

O Luca teve a ideia de pintar o meu cabelo de azul há bastante tempo e desde então, eu vinha contando pra amigos próximos e muito poucos me encorajaram. Falaram que eu ia estragar meu cabelo, sugeriram peruca, etc. Mas eu sou teimosa! rs… E realmente acho que o ‘real deal’ muda a energia das coisas. Eu faria uma outra Krishna se usasse peruca. Fora que sou uma propaganda ambulante da peça! Não tem um dia que não elogiam meu cabelo na rua e eu falo que é pra peça, conto quando vai estrear, enfim, faço propaganda. rs… Tem feito bastante sucesso o cabelo e aqui em NY as pessoas vêm perguntar mesmo.

Já o Luca, vai interpretar Arjuna, o maior guerreiro de todos os tempos. Ficamos pensando em vários cabelos até que achamos a referência do Ragner personagem do Travis Finnel na série Vikings e deu super certo. Ele está com mega cara de guerreiro! Algumas pessoas têm medo dele na rua, não encaram ele não. rs.. E o bacana é que com 15 dias o cabelo cresce nas laterais – para as fotos e para peça ele raspa com máquina zero – e fica um corte incrível, moderno. Eu estou adorando meu novo namorado! rs…

Como escolhi o salão?

Eu tinha uma foto com o tom que eu queria e um salão de uma famosa marca de produtos agendado. Minha amiga – a brasileira Francesca Alterio que mora em NY e assina a cenografia e arte gráfica da peça com a libanesa Amanda Nina – marcou para mim e para o Luca no salão da Bumble and Bumble. Eu amo o Surf Spray da Bumble, por exemplo. O salão é lindo, gigante, todo envidraçado no Meatpacking, mas a menina da recepção cometeu um erro e marcou apenas 2 horas pra fazer o meu cabelo, que levaria 8 horas! Na verdade foi ótimo porque eu não senti firmeza na colorista que supostamente faria meu cabelo, ela não parecia ter firmeza. Sei lá, feeling. Aí o cabeleireiro da Bumble and Bumble que cortou o cabelo do Luca super bem, sugeriu o salão Sally Hershberger. Como eu não podia esperar, já que as fotos seriam no dia seguinte, fui checar o salão que era perto do da Bumble e encontrei o Will! Gênio da cor!!!! Vi na hora que ele saberia fazer meu cabelo ficar azul! Que ele entendia bem do assunto! Destino!!!! O salão também era incrível e o Will ficou comigo de 4 da tarde até meia noite e meia de uma sexta-feira!!!! Totalmente obssessivo! Fiquei apaixonada por ele! Gosto de gente assim! rs… E só em NY mesmo para um cabeleireiro ficar com uma cliente até de madrugada!

O processo:

Ele teve que primeiro deixar meu cabelo branco. Não poderia ter nenhuma parte amareladinha, tinha que ser bleach, branco, branco. Depois fez um tratamento com queratina pra manter meu cabelo saudável – ninguém acredita, meu cabelo está suuper macio! – e aí colocou dois tons de azul pra não ficar um azul chapado. O bleach da base foi fundamental porque conforme o azul vai desbotando vai ficando cada vez mais bonito já que o platinado vai aparecendo. Estou in love com o meu cabelo!!! Assim que pintei, fiquei me achando esquisita já que estava bem azul e a mudança foi radical, mas com uma semana ele já foi desbotando, ficando na cor que eu queria e eu parecia que tinha nascido assim! rs…. Não tenho dúvida alguma de que fiz a escolha certa em pintar e também estou tendo a chance de ter cabelo azul uma vez na vida! Vou gostar de olhar as fotos no futuro!

Os dois tons de azul escolhido

Os dois tons de azul escolhido

Oito horas e meia no salão

Oito horas e meia no salão

cabelo ainda marelo

cabelo ainda marelo

começando a ficar branco

começando a ficar branco

branco!

Branco!

Branco 2!

Branco 2!

Esperando o azul pegar.

Esperando o azul pegar.

Ready! Com o Will que fez a cor.

Ready! Com o Will que fez a cor.

Ready!!

Ready!!

No táxi, voltando pra casa, o taxista elogiou o cabelo!

No táxi, voltando pra casa, o taxista elogiou o cabelo!

3 vezes Livia!

3 vezes Livia!

Luca Bianchi.

Luca Bianchi.

PostCardFrentePeq

BACK ALL CARDS social media

Cabelo de Krishna por Will Francis do Sally Hershberger http://sallyhershberger.com/salons/

Cabelo de Arjuna por William Johnson do Bumble and Bumble http://www.bumbleandbumble.com/salons/bbsalons/downtown.tmpl

sexta-feira

25

abril 2014

0

COMMENTS

Velvet Amplifier – o primer da Wella

Written by , Posted in Mestres das Jubas, PRODUTOS

wella-professionals-velvet-amplifier

Por Diana Herzog

 

wella-professionals-velvet-amplifierAcabei de chegar do Crystal Hair Leblon, onde o Mestre da Juba, Alexandre Carvalho, resolveu o meu último HAIRDRAMA – fios brancos… sim eu tenho fios brancos, e eles me acompanham desde muito cedo. Como sempre fui loira, os danados quase não apareciam, mas agora com essa mudança pro mundo chocolate… não tem nem dois meses desde que pintei e já não estava mais dando pra postergar nem mais um dia. Liguei hoje, e milagrosamente consegui hora para… hoje!!! E o Alexandre salvou a minha idade, rsrs!

Bom, eu não preciso dizer que o retoque que ele fez ficou mara! Estou amando ser morena e ainda mais by Alexandre Carvalho, rs! Mas a novidade (pra mim, já que o produto já está no mercado há mais de dois anos) dessa vez é o Velvet Amplifier da Wella. Perguntei pro Ale se ele tinha um produto pra indicar, que ele gostasse e usasse bastante, e no mesmo segundo ela já pegou e me mostrou o Velvet Amplifier. Trata-se de um primer pra cabelo. Ele tem a mesma função do primer pro rosto, preparar a superfície para os próximos passos, no caso do cabelo – secador, chapinha, etc… e também ajudar a fixar os outros produtos. Para o cabelo como o meu por exemplo é perfeito, eu já estou careca de falar aqui que meus fios são porosos, mas então como os meus porosos fios são porosos, o serum consegue dar uma igualada na textura antes de qualquer coisa. Isso na verdade é o que eu mais preciso! Como não sou expert no assunto – para isso temos os nossos Mestres das Jubas – essa história de primer foi uma linda surpresa e solução. Estou correndo pra colocar o Velvet Amplifier no meu carrinho de compras da maneira mais em conta, ou seja, encomendar pra primeira pessoa que pegar um vôo internacional, rs!

E por último, fiz um videozim mostrando o resultado pra vocês, fica melhor de ver do que em fotos, né?

Olha aí:

Captura de Tela 2014-04-09 às 11.00.22

Alexandre Carvalho

 

Formado em Jornalismo, sempre esteve ligado aos eventos de moda onde começou a se interessar por cabelo. Entre uma pauta e outra, começou a dedicar suas horas vagas aos cursos de cabeleireiro e visagismo.

Completou dez anos de profissão com um curriculum bem diversificado, jacques Dessange Paris, Vidal Sassoon Alemanha e Los Angeles, Redken Em NY e Las Vegas , Bumble and Bumble NY, Toni and Guy Londres, Longueras Argentina, entre outros… Além de ter sido formado pela academia L’oreal de cabeleireiros no Brasil. Nesses dez anos de profissão, oito são dedicados a família Crystal hair no Leblon , onde tem um grande prazer de fazer parte da equipe.

 

Cristal Hair Leblon

 

Endereço: Rua Almirante Guilhem, 255 – Leblon, Rio de Janeiro – RJ, 22440-000

Telefone:(21) 2512-4342

SIGAM A GENTE

Facebook Hairdrama

Instagram @hairdramajd

segunda-feira

17

março 2014

3

COMMENTS

HAIRDRAMA no Brooklyn – mercado, cerveja, boliche e claro corte.

Written by , Posted in HAIRDRAMA VIAJANDO

P1050793

Por Diana Herzog


Esse post eu escrevo com a maior animação, porque foi realmente onde eu mais me diverti nessa viagem que fiz. Fiquei em Manhattan, mas fui pro Brooklyn duas vezes, pra Williamsburg pra ser mais específica. Minha prima Fernanda Polacow, que é super “in” das paradas disse que eu tinha que ir lá conhecer, que na verdade eu tinha mesmo é que ficar por lá e não em Manhattan, essa última dica eu não segui, mas da próxima vez é certo que é por lá que ficarei. Williamsburg é uma graça, clima de cidade pequena com estilo, não tem nenhuma loja grande tipo H&M, Zara, etc… (pelo menos não por onde eu passei e pra deixar claro que não é que eu não goste de lojas grandes, mas é bom dar uma respirada e ver novidades). São boutiques, lojas com cara de que os donos são todos artistas, tudo super estiloso e charmoso. Esse post é um mini guia, uma sugestão do que fazer por lá se você tiver apenas um dia, e se esse dia for sábado ou domingo. Então aí vai!!! Ai que saudade que bateu agora!

Ah! Só mais uma coisa, vocês vão ver que no vídeo eu estou o tempo todo acompanhada de um homem, moreno, alto e charmoso, bom esse é o meu marido, rs! E inclusive ele é que vai estrelar a parte HAIDRAMA, num corte muito do bem feito no barbeiro da esquina. Ele é ator também, chama Luiz André Alvim, e se prestarem bem atenção, mas assim bem bem mesmo, alguns que acompanharam a novela Sangue Bom, talvez o reconheçam, mas não é tarefa fácil viu, porque ele fez uma personagem muito bem caracterizada. Só digo uma coisa, era um travesti, rs!

1. Brooklyn Flea e Smorgasburg (juntos): o primeiro é um mercado de pulgas bem hipster, que tem de tudo um pouco – vinil, quinquilharia, casacos, artesanato, móveis – é enorme! Vende coisas antigas e novas. Lá dá vontade de ter um casinha perto ou um container pra mandar pro Brasil, porque eu queria levar tudo pra renovar a nossa casa. O Brooklyn Flea durante o inverno acontece “indoors” e no resto do ano do lado de fora. Tem tudo explicadinho no site. E o segundo é um mercado de comidas, estava tudo tão apetitoso que decidimos almoçar lá dentro. São várias barraquinhas com comidas de diferentes regiões do mundo e de diferentes especialidades. O André comeu um prato venezuelano e uma salteña (Bolivia)e eu comi um grão de bico com polenta maravilhoso por $9, sim eu disse $9!!!! Alias o que mais tem em NY são lugares baratos e gostosos.

P1050793 2. Brooklyn Brewery: é umas das maiores cervejarias artesanais dos Estados Unidos, senão a maior. E é o maior barato, nós fomos duas vezes, uma num domingo, que é quando aquele movimento todo do video acontece – aos  sábados e domingos – e depois fomos na terça fazer um tour pela cervejaria com direito a degustação de algumas cervejas, e uma taça brinde. Esse tour é bem disputado, a reserva tem que ser feita com umas duas semanas de  antecedência, e custa baratinho – $10 por pessoa. Mas só de passar lá pra beber e ver o movimento já é um programa delícia. É um lugar onde as pessoas vão para socializar, beber, enfim… se divertir. Observação sobre o video: vocês vão ver que eu falo com toda a certeza do mundo que cerveja que o André tá bebendo é a Sorachi Ale, mas falei errado, o nome é Sorachi Ace, fiquei por uma consoante, rs!

 

IMG_04663. Brooklyn Bowl: do lado da Brooklyn Brewery fica o boliche mais divertido que já fui e olha que eu adoro boliche. É praticamente uma balada. Nós fomos cedo e mesmo assim estava bombando, mas acho que mais tarde a coisa fica realmente boa. É uma casa de show, bar, boliche e restaurante. Tem um palco com um pista de dança, um bar animado e um DJ tocando um som enquanto você joga. A boa é ver com antecedência a programação das bandas e tentar pegar num dia de um show bacana. Fiquei com essa vontade, agora tenho que voltar logo, rs! E também, como todo boliche, quanto mais gente for jogar, mais em conta sai porque se paga pela meia hora. Acho que é $24, nós íamos só jogar 30 minutos, mas quando vimos… o tempo passou… o tempo passou… nos divertimos muito!!!

4. The Corner Barber: em português – o barbeiro da esquina, foi um achado pra gente! Estávamos atrás de um lugar pro André cortar o cabelo desde Miami, mas não rolava nenhum. Passamos na porta desse barbeiro no domingo, eu achei uma graça, tem um estilo meio cool, trendy, tentamos um horário pra cortar ali agora, mas não deu, tinha que ter marcado com antecedência. Na terça passamos na porta de novo e resolvemos entrar, e pronto! Demos sorte, tinha um cara disponível e foi assim de repente, quando vimos o André já estava de cabelo cortado. O Sam foi o responsável pelo corte, não é dos mais simpáticos, mas sinceramente pra fazer o corte que ele fez no André tá valendo! Eu nunca vi o cabelo dele tão bem cortado, fiquei felicíssima! E mais importante, ele também. Por $30 eu sai dali com um marido mais charmoso ainda, e um super post pro HAIRDRAMA.

Gente só uma coisa, Williamburg é o lugar!!! Obrigada Fernanda!

 

segunda-feira

10

março 2014

2

COMMENTS

Com flores na cabeça

Written by , Posted in LOOKS

IMG_0102

IMG_0102

Nossa vontade de escrever esse post já era antiga – assim que criamos o blog, já pensávamos em escrever sobre arranjos de flores na cabeça! E claro corremos atrás, convidamos nossa amiga Maria Joana pra entrar nessa floresta com a gente e nossa Mestre da Juba Gabi Balan para nos ensinar a fazer alguns modelos.  A Maria Joana além de linda e safa (fez o arranjo dela em 3 segundos!!), tem o que falta em nós duas: muito cabelo!!!  Fizemos seis modelos diferentes, três com flores naturais e três com artificiais. Foi um dia inteiro com flores na cabeça, às 8 da manhã já estávamos no Saara (mercado livre do Rio de Janeiro) e fizemos a festa, lá é um mundo de possibilidades! Compramos flores e folhas artificiais, arame, corda, pérolas, cola, arco… Depois fomos à feira e compramos flores naturais de vários tipos (aqui a gente conseguiu exagerar ainda mais, parecia casamento) no final do dia rolou buquê de flores pra todo mundo levar pra casa. Compras feitas, partimos ansiosas pro salão pra encontrar nossas convidadas.

Essa moda de colocar flores nos cabelos já é antiga, mas ganhou seus minutos de fama muito por conta da cantora Lana Del Rey, que apareceu usando uma coroa de flores na capa do seu disco “Video Games/Blue Jeans”.

A Gabi fez os arranjos naturais que ficaram a coisa mais linda e vocês vão ver nesse vídeo.

Já os arranjos artificiais foram feitos por nós, cada uma escolheu o seu e partiu pro desafio. Foram três possibilidades:

1. Arco:  A Diana faz um estilo mais romântico, e por isso as flores no cabelo tem tudo a ver com ela, inclusive a que ela fez foi toda em tons de rosa.

2. Arame: A Julia é um pouco mais hard core, nunca tinha usado uma coroa de flores, mas aceitou o desafio, fez a sua com arame dourado e flores amarelas e garante que vai usar em alguma ocasião.

3. Corda: A Maria Joana já tinha esse hábito, diz ela que teve uma época em que ia direto pro Baixo Gávea usando uma, e fez a sua bem simples, usando corda e um arranjo com flores em tons de laranja.

Nós também achamos três modelos de coroas da loja Parceria Carioca que nos encantou bastante e também é uma ótima opção pra quem não está afim dessa produção toda, e já quer comprar a coisa pronta.

IMG_0142

E pra terminar vai uma foto da equipe quase completa (só falta o Leo Nunes, nosso querido editor dos vídeos), Maria Joana, Julia, Joanna Mamede (nossa amiga diretora que quando pode, vem dar um help nas filmagens, muito obrigada Jo!!!), Diana e Gabi.

IMG_0145